é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Entrevista

Publicada em 25 de junho de 2019 às 15h53

Paulo Paixão detalha preparação física em período de treinos

Preparador explica cuidados com aspectos musculares e avalia situação de jogadores que sofreram lesões recentes

Victor de Freitas

2019-05-30-13-27_capapaulopaixao3
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

O Bahia está de volta aos treinamentos após um período de descanso. No retorno aos trabalhos no Fazendão, os atletas têm participado de sessões intensas de atividades físicas.

Sob o comando de Paulo Paixão e dos demais preparadores físicos do clube, Luiz Andrade e Roberto Nascimento, as primeiras atividades estão sendo focadas nos aspectos musculares dos atletas.

Em entrevista na manhã desta terça (25), Paixão detalhou como o trabalho vem sendo realizado pelo staff físico do clube para diminuir o número de lesões musculares na sequência da temporada.

“Tenho como convicção ter os cuidados musculares. Eles têm essa convicção também, como parâmetro, como linha de trabalho. A gente está enfatizando e massificando a parte muscular. Você disse que o Roger sorriu, eu também estou sorrindo um pouquinho (com o tempo antes do jogo), fazer os meninos correrem um pouquinho. Com essas convicções, você aumenta o volume. Como era um número muito grande de jogos e não tinha um intervalo necessário para nós trabalharmos, vamos aproveitar para o foco na parte muscular, de potência aeróbia, sempre complementando a integração parte física-técnico-tática. Não posso trazer para mim só a parte principal e achar que o meu é o mais importante. Pelo contrário, a bola vai ser sempre o mais importante. Só que tenho que ter o discernimento em entrosamento com o treinador de fazer a dimensão da parte analítica. Esse entrosamento é fundamental”, explicou o veterano preparador físico.

Gilberto e Élber

De volta aos trabalhos com bola depois de terem sido ausências nos últimos jogos antes do recesso, os atacantes Gilberto e Élber recebem atenção especial por parte da comissão, especialmente o camisa 7 – que sofre com recorrentes dores musculares.

“Gilberto está numa condição melhor, mas Élber, fizemos uma reunião na qual o atleta vai fazer trabalhos especiais, não deixando de participar dos trabalhos com bola mais importantes. Como foi uma situação de reincidência da questão muscular, conversamos e temos um planejamento para ele seguir. Esperamos que ele possa não vir a ter nenhum tipo de lesão. O Gilberto é um caso mais simples”.

Ernando

Único lesionado do elenco neste momento, o zagueiro Ernando está sendo tratado exclusivamente pelo departamento médico por conta de uma hérnia de disco.

“É um caso um pouco mais complicado (Ernando). Área médica. Fomos orientados para não, nesse período, fazer nenhum tipo de atividade em função da gravidade da lesão que ele teve. Estamos no aguardo da autorização médica para, a partir daí, iniciar as atividades”.

Trabalho feito no Bahia

“Encontrei um trabalho dentro das minhas convicções. Com resistência, com força, com velocidade. Quando a gente chega no clube tem que ter muito cuidado. Se encontra o que eu encontrei, só vai acrescentando. Aumenta volume de trabalhos musculares, com um ou com outro jogador. Isso conversamos diariamente”.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.