é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Mercado

Publicada em 04 de maio de 2020 às 17h11

Elenco do Bahia antes e depois do coronavirus; veja uma projeção

Diretoria trabalha com um número de 30 jogadores para o Brasileirão

Da Redação

2020-01-10-18-46_capatreino202011
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

A crise causada pelo coronavírus atingiu todos os setores da sociedade, em todo o mundo. E não seria diferente com o futebol. Com isso, o planejamento do futebol do Bahia, no último ano de gestão do presidente Guilherme Bellintani, teve que ser totalmente refeito.

O primeiro grande efeito foi a necessidade de pôr fim no projeto do elenco de transição, que foi planejado para disputar o Campeonato Baiano, Brasileiro de Aspirantes e reforçar esporadicamente o elenco principal.

Com isso, voltando a ter apenas um elenco, o Bahia deve suspender novas contratações, buscar empréstimo de atletas e aproveitar alguns atletas no elenco de Roger Machado.

Confira abaixo uma avaliação dos elencos principal e de transição, com o palpite da equipe ecbahia.com do destino de cada atleta.

Elenco Principal

Goleiros: Douglas e Anderson – ambos têm contrato e permanecem no elenco.

Laterais: João Pedro, Nino, Zeca e Juninho Capixaba – todos têm contrato e devem seguir no elenco.

Surgiu um interesse em Juninho Capixaba, que é emprestado ao Bahia. Se perder o lateral, o Bahia vai ter que buscar reposição.

Giovanni deixa o Bahia após fim de contrato em maio.

Zagueiros: Lucas Fonseca, Juninho, Ernando e Wanderson – todos têm contrato e devem seguir no elenco.

Volantes: Elton, Flávio, Gregore, Jadson e Ronaldo - todos têm contrato e devem permanecer.

Há uma remota possibilidade da venda de Gregore. Caso ocorra, dificilmente o Bahia vai ao mercado para repor, dado que devem subir atletas da posição do elenco de transição.

Meias: Daniel, Régis, Rodriguinho e Marco Antônio.

Régis já deixou o Bahia rumo ao Cruzeiro; os demais têm contrato e devem permanecer no Bahia.

Atacantes: Arthur Caike, Clayson, Élber, Fernandão, Gilberto e Rossi.

O contrato de Arthur Caike vence no final de maio. Palpite do ecbahia.com é que o Bahia não deve renovar para aliviar a folha de pagamento e dado que o atleta, apesar de importante em alguns jogos ano passado, nunca engrenou no time. Deve abrir espaço para atletas do time de transição.

Elenco de Transição

Goleiros: Fernando, Mateus Claus e Matheus Teixeira.

Fernando já deu adeus ao clube com o fim do seu contrato. Mateus Claus também está em fim do contrato, mas era reserva de Fernando. Tem situação indefinida com vínculo até o fim de maio.

Matheus Teixeira deve deixar o clube por empréstimo. Poderá ficar caso Claus não renove contrato.

Laterais: Matheus Bahia, Mayk, Lepo e Lucas Rodrigues.

Lepo está inscrito na Copa Sul-Americana e é o único que deve permanecer. Mayk e Matheus Bahia devem deixar o clube por empréstimo, enquanto Lucas Rodrigues já deu adeus.

Zagueiros: Anderson, Fábio Alemão, Ignácio e Jaques

Desses quatro, Ignácio já faz parte do elenco principal e deve voltar compor o grupo de Roger Machado. Anderson, Alemão e Jaques devem sair do clube.

Volantes: Buiú, Caio Mello, Paulinho, Edson, Ramon e Yuri

Ramon é o principal destaque da equipe sub-23 e já tem lugar garantido no time principal.

Buiú e Paulinho já deixaram o clube ao fim de seus contratos. Caio Mello é tido como talento da base e pode compor o elenco principal ou ser emprestado para ganhar experiência.

Edson fez parte do elenco profissional em 2019 e deve continuar no Bahia. Yuri deve ser promovido ou deixará o clube em definitivo.

Meias: Arthur Rezende, Cristiano, Dimitri e Vinícius Garcia

Somente Arthur Rezende continua no clube. Os demais dão adeus ao Bahia.

Atacantes: Caíque, Fessin, Gabriel Esteves, Gustavo, Régis, Alesson e Saldanha

Gabriel Esteves e Régis Tosatti já deixaram o Bahia. Sem jogar, Fessin deve ser devolvido ao Corinthians.

Alesson chegou ao clube com contrato de dois anos e deve ser emprestado para ganhar experiência.

Gustavo deve ser promovido ao elenco de cima, devido ao destaque conquistado desde 2019.

Caíque é da base tricolor e pode permanecer no time principal ou ser emprestado para ganhar experiência. Já Saldanha ganhará lugar na equipe de cima.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.