é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Brasileiro

Publicada em 12 de junho de 2019 às 23h57

‘Despreparados e incompetentes’, diz Ferraz sobre arbitragem de vídeo

Vice-presidente do Bahia reclama de erro em gol marcado para o Inter

Victor de Freitas

2019-06-12-23-49_capagolinter
Fonte: Reprodução / Premiere

O Bahia sofreu um revés por 3 a 1 para o Internacional, na noite desta quarta-feira (12), atuando no estádio Beira-Rio. Na partida, o fato que mais se destacou, de maneira negativa, foi um gol validado pela arbitragem de vídeo.

No primeiro gol da partida, o volante Rodrigo Lindoso aproveitou um toque de cabeça feito por um jogador colorado e empurrou para as redes. As imagens de todos os canais confirmaram a ilegalidade do lance (imagem do momento exato acima), que foi primeiramente anulado pelo assistente Bruno Boschilia.

Após um período de quatro minutos, a arbitragem de vídeo – liderada por Igor Junio Benevenuto – sinalizou para o árbitro principal confirmar gol.

Através de seu perfil oficial no Twitter, o vice-presidente tricolor, Vitor Ferraz, fez duras críticas à arbitragem de vídeo no país.

ATENÇÃO, @CBF_Futebol, do que adianta gastarmos milhões com VAR se os “profissionais” que operam sistema são DESPREPARADOS e INCOMPETENTES? Como é que faz agora? Quem tira esse gol? Quem paga a conta?”, reclamou o dirigente tricolor.

Este é o segundo jogo seguido que o Bahia sofre com erros de arbitragem. Contra o Ceará, o árbitro Thiago Duarte Peixoto parou, sem motivo algum, uma jogada clara e manifesta de gol para o Esquadrão, além de nem sequer ter analisado por vídeo um lance de pênalti em Artur.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.