é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Entrevista

Publicada em 18 de janeiro de 2020 às 08h55

Cerri fala sobre propostas por Gregore e situação de Régis

Dirigente garante que Bahia está tranquilo em negociações por seus jogadores

Victor de Freitas

2020-01-18-08-48_capadiegocerri27
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

O Bahia está vivendo seu último final de semana de pré-temporada, com a estreia oficial do time principal marcada para acontecer no próximo sábado (25).

Em meio a seis contratações, a diretoria tricolor também tem precisado lidar com propostas recebidas por Gregore e com a situação de Régis.

Interesse do mercado por Gregore

Gregore é o jogador tricolor com maior valor de mercado, no atual elenco, e tem sido alvo de propostas que podem ser consideradas como altas. Recentemente, um clube norte-americano ofereceu R$ 17 milhões pelo atleta, mas recebeu um sonoro “não” como resposta.

Em entrevista na Cidade Tricolor, o executivo de futebol, Diego Cerri, falou sobre a visão do clube quanto às ofertas recebidas para vender Gregore. Segundo o dirigente, a prioridade é de manter o jogador no elenco. Porém, não descarta uma venda em caso de valores mais altos.

“Difícil. Algum tempo atrás o Bahia teria perdido atletas com mais facilidade. Hoje em dia, se acontecer, será por retorno financeiro maior. São situações que a gente tem que analisar com calma. Situação do atleta, do clube. Ter propostas altas por atletas do Bahia significa que temos bons valores. O clube está bem estruturado. Se o atleta sair, vai entrar valor significativo no caixa para continuar o projeto. Nossa prioridade é ter uma equipe forte para buscar um ano bom, com conquistas. O campo, nesse processo, é fundamental. Estamos nos estruturando em todos os sentidos. Passos largos na evolução do clube”, explicou Cerri

Situação de Régis

Régis teve seu contrato reativado com o Bahia no dia 1º de janeiro e está em pré-temporada no CT Evaristo de Macedo desde o dia 6. Durante este período, o jogador chegou a indicar sua permanência no clube.

De acordo com Diego Cerri, a situação é vista com cautela pela diretoria, mas que o atleta vai seguir trabalhando normalmente com o elenco.

“Possibilidade sempre tem. Pertence ao Bahia, está participando das programações normalmente. Está sendo observado pelo Roger, que não tinha trabalhado com ele ainda. Por enquanto segue normal com a gente”.

A estreia do time principal do Bahia acontecerá no próximo sábado, contra o Santa Cruz, pela Copa do Nordeste.

Quer 30 dias de DAZN grátis e assistir o jogo de volta do Bahia na Sul-Americana? Clique aqui e cadastre-se hoje!
leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.