é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Coluna

Caio Vasconcelos
Publicada em 16/02/2019 às 01h19

Minha Análise - Bahia 2 x 2 Rio Branco/AC

 
 
Meus Amigos,
 
Nesta noite de Quarta para Quinta, num campo que remeteu a lembranças de um período tenebroso, e com uma transmissão via internet, o Bahia em sua pior partida no ano de 2019 empatou com o Rio Branco na Arena da Floresta, em partida válida pela primeira fase da Copa do Brasil.
 
Partindo para o ataque de forma agressiva, o time de EM marcou logo no início, com o artilheiro do Brasil. Gilberto foi lançado, dividiu com o goleiro e abriu o placar. 1x0. 
 
O detalhe é que Élber já havia perdido um gol inacreditável antes, daqueles que só o camisa 7 Tricolor consegue perder.
 
Irritando a torcida, o time passou a jogar de forma desinteressada. Toques sem objetividade, jogadores sem querer dividir os lances. E isso trouxe o time Acreano para o jogo. Numa sucessão de erros, digna de um time que precisa ainda maturar bastante, tomamos o empate. A zaga falhou após cruzamento e Laércio empatou. 1x1. A lei do ex atacando novamente, visto que o camisa 9 havia jogado no Esquadrão em 2009.
 
Quase copiamos o time sem estrela, uma vez que o jogador do time alvirrubro perdeu um gol sozinho, cara a cara com Douglas, chutando a bola lá na divisa com a Bolívia.
 
O que se viu depois foi um jogo insosso, irritante, daqueles que nem merecem comentário. Que partida ruim. Fomos para o intervalo com mais um gol perdido por Elber sem goleiro. Será que o nosso craque está querendo pedir música no Fantástico pelos gols perdidos? 1x1 e a vontade grande de desligar o computador.
 
Na segunda etapa, no único momento que fez algo lúcido, Douglas Augusto chutou forte de fora da área, o goleiro rebateu e o artilheiro do Brasil fez seu 8 gol no ano. 2x1.
 
Se esse gol deu tranquilidade ao time e a torcida, também trouxe de volta a preguiça e desinteresse. Foram minutos massantes, daqueles que afastam o torcedor de novas partidas, tamanha a falta de entrega dos jogadores.
 
No fim, o bem treinado time do portugues João Mota empatou. Numa jogada bem construída, com tabelas e movimentação, um chute de fora da área pegou Douglas desprevenido. 2x2.
 
Classificação assegurada, mas a preocupação sobre o desempenho do time foram o assunto da madrugada nas redes sociais.
 
 Douglas – Nao teve culpa no 1º gol, mas poderia ter defendido o segundo.
 
Nino – Apresentou-se muitas vezes no ataque, mas falhou tantos cruzamentos. Cada dia pior.
 
Jackson – Nas suas costas ocorreu o gol mais uma vez. Desatento, precisa de mais concentração se quiser ser titular.
 
LF – Fez uma partida segura. O melhor da defesa.
 
Moisés – Uma partida muito ruim. Errou muitos cruzamentos e passes. 
 
Gregore – Um monstro. O melhor do time no ano. Absurda capacidade de desarme e criação.
 
Douglas Augusto – Bom passe, mas pouca marcação. Precisa correr mais. Deixou muitos espaços na frente da zaga. Se fosse um adversário mais qualificado, teríamos tido pior sorte.
 
Guilherme – Precisa entender que pode se sujar, suar a camisa. Parece que não quer trabalhar. Muito preguiçoso. Não chuta uma bola sequer no gol.
 
Arthur – Foi razoável, mas nada digno de elogios.
 
Élber - Eu acho que ele perde aqueles gols só para sacanear a torcida. Não é possível ter tanta displicência na hora de concluir o lance.
 
Gilberto – Foi a salvação do time. 2 gols importantes. Porém, não pode dar um carrinho daquele, no fim da partida.
 
Shaylon - Entrou e pouco produziu. Melhor que Guilherme, pois pelo menos esteve em campo.
 
Iago - Entrou e nada fez. Aliás, ainda não justificou a sua contratação.
 
EM – Difícil. O time precisa melhorar. Sua insistência com Nino, Elber e Guilherme são irritantes. Moisés e Douglas Augusto também precisam de um puxão de orelhas.
Outras colunas
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.