é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Sulamericana

Publicada em 04 de outubro de 2018 às 08h54

Jackson volta a atuar com o time principal após um ano e meio

Zagueiro não entrava em campo com o time profissional desde o primeiro semestre de 2017

Victor de Freitas

2018-10-04-08-50_capajacksonbotafogo
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

Demorou, mas o zagueiro Jackson finalmente está de volta aos gramados de maneira oficial. Após 17 meses sem atuar com o time principal, ele foi um dos jogadores que ajudaram a garantir a classificação tricolor às quartas de finais da Copa Sul-americana.

Relacionado como único zagueiro no banco de reservas para o jogo decisivo contra o Botafogo, Jackson foi acionado ainda no primeiro tempo, por conta a lesão sofrida por Tiago com apenas 29 minutos de bola rolando. Foi seu retorno ao gramado após um ano e meio.

Sem contar com os três jogos disputados com o time de aspirantes, a última vez que Jackson havia atuado oficialmente aconteceu no dia 7 de maio de 2017, na partida de volta do Campeonato Baiano daquele ano. Na ocasião, ele jogou apenas 45 minutos e foi substituído. Desde então, lutou para se recuperar de cirurgias realizadas no ano passado.

Em 2017, Jackson foi submetido a duas cirurgias. A primeira foi uma artroscopia para tratar um problema no menisco. Meses depois, foi diagnosticado com uma hérnia de disco que o afastou dos gramados novamente. Em outubro, passou por mais uma artroscopia, mas desta vez para tratar a cartilagem e corrigir um "defeito" conhecido como "joelho valgo". Passou quase um ano sem poder treinar normalmente.

Retorno aos treinamentos e Brasileirão sub-23

Após longo e árduo período de tratamentos, Jackson voltou a treinar na bola no mês de abril, 11 meses após a primeira grave lesão.

Em junho, 13 meses depois, ele voltou a pisar no gramado para disputar uma partida com o time sub-23. Na ocasião, ele admitiu ter se emocionado com o retorno.

"Tenho que agradecer a Deus pela oportunidade que ele está me dando. Passei por uma luta muito difícil, muito difícil. Não desejo para nenhum atleta profissional", falou o jogador, em junho

Busca por reafirmação no time principal

Mesmo com três jogos disputados no Brasileirão de Aspirantes, a volta de Jackson ao elenco principal foi tratada com cautela no Bahia. Precisou ser relacionado para 12 jogos até ganhar sua primeira oportunidade com Enderson Moreira, e justamente em um dos momentos mais decisivos da temporada.

17 meses após sua última atuação profissional, Jackson jogou por 61 minutos no Nilton Santos e até cobrou uma penalidade - a única que o Bahia perdeu. Mas, após o jogo, ele segue buscando reafirmar seu espaço como um dos principais zagueiros do elenco.

Um ponto importante para a reafirmação do jogador é não ter sofrido nenhuma nova contusão desde que voltou a treinar com o elenco, podendo ser relacionado com frequência aos jogos.

Além de Jackson, o Bahia conta com Tiago, Lucas Fonseca, Grolli e Éverson como zagueiros em seu elenco.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.