é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Brasileiro

Publicada em 09 de outubro de 2018 às 16h19

Com valor de compra acessível, Ignácio busca afirmação no Bahia

Zagueiro emprestado pelo Força e Luz-RN agrada em estreia; Cerri diz que valor de compra é considerado acessível

Victor de Freitas

2018-10-09-16-07_capaignacio2
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

Inicialmente contratado para reforçar o time de aspirantes do Bahia na temporada, o zagueiro Ignácio se destacou com o elenco sub-23 e já ganhou a chance de estrear como profissional do Esquadrão de Aço, vivendo uma "prova de fogo" no segundo tempo contra o Grêmio.

Aos 21 anos e atuando no primeiro time grande de sua carreira, Ignácio busca afirmação no elenco profissional do Bahia e afirma felicidade por ter estreado em uma Série A, inclusive marcando seu nome na história do município de Assu, de 53 mil habitantes, onde nasceu no Rio Grande do Norte.

“Estou muito feliz por ter sido o primeiro jogador de Assu, minha cidade, a jogar uma Série A. Fiquei muito emocionado, não só eu, como toda a minha família. Outro dia vi os jogadores do Grêmio na televisão e agora tive a oportunidade de enfrentá-los. O frio na barriga ficou só até entrar em campo, depois disso virei profissional. Lucas e Jackson me passaram confiança”, disse o jovem zagueiro, em entrevista ao Programa do Esquadrão.

A ascensão de Ignácio no futebol é meteórica, pulando da Série D para a Série A em poucos meses. Revelado pelo Força e Luz, do Rio Grande do Norte, ele disputou 14 jogos pelo Campeonato Potiguar neste ano, marcando um gol. Na Quarta Divisão, defendeu o time de sua cidade, o ASSU, com atuações em todos os seis jogos da primeira fase.

Mesmo com a eliminação de sua modesta equipe na Série D, ele chamou atenção dos olhares do Bahia, quo adquiriu por empréstimo até dezembro deste ano. O valor de compra é visto como "acessível" pela diretoria, o que indica a possibilidade de aquisição definitiva caso o jogador siga agradando.

"A gente trouxe para teste, depois de observar um material dele e pegar algumas informações. Disputou quatro partidas no Brasileiro de Aspirantes. Temos uma opção de compra bem acessível", explicou o diretor de futebol Diego Cerri.

Contratado após o início do Brasileirão de Aspirantes, Ignácio jogou em apenas metade dos jogos do Tricolor na competição, com um gol marcado e elogios de torcedores por suas atuações. Ele, inclusive, passou à frente de Jaques na "linha de promoção" ao elenco profissional do Esquadrão.

Somando os três clubes que já defendeu, o defensor tem 25 jogos e dois gols em 2018.

Após estrear com o time principal do Bahia, Ignácio já disputa a titularidade para a próxima rodada, contra o Paraná, tendo em vista os prováveis desfalques dos lesionados Tiago e Éverson, além da ausência já confirmada.

Seu concorrente à posição de titular ao lado de Lucas Fonseca é Grolli, que retorna de suspensão.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.