é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Coluna

Caio Vasconcelos
Publicada em 26/08/2018 às 18h35

Minha Análise - Santos 2x0 Bahia

Meus Amigos,

Ontem no Estádio Urbano Caldeira, a famosa Vila Belmiro, o Bahia foi derrotado pelo time do Santos, após jogar somente 45 minutos da partida.

A primeira parte do confronto ficou marcada pela boa atuação do time tricolor. Aproveitando os espaços cedidos pela equipe paulista, ZR10 foi o principal nome do jogo nos 45 minutos iniciais. Após bela jogada pelo lado direito, o narigudo foi no fundo e cruzou para Edigar Junio sozinho na pequena área, sem goleiro, chutar para fora. Inacreditável.

Apesar de ter mais domínio do jogo, o Esquadrão pecou no quesito finalizações, que foram inexistentes e/ou ineficientes. Fim do primeiro tempo. 0 x 0 e a sensação de que o primeiro triunfo fora de casa finalmente viria. Ledo engano.

Na segunda etapa, o Bahia morreu. Sem força, o time do Fazendão foi pífio. Não criou nada digno de registro. Os 02 gols ridículos tomados demonstram que algumas peças precisam sair do time com urgência, pois não conseguem acompanhar o nível dos demais.

Anderson – Não tem condições de continuar como titular. Falhou feio quarta e novamente no primeiro gol adversário. Um goleiro com mais qualidade não tomaria aquele gol. Uma bola fraca, lenta.

Nino – Não comprometeu, mas não tem qualidade para ser titular.

Grolli – Fez uma partida segura. Espero que a lesão não seja grave. Vem evoluindo.

Tiago - Fez uma partida segura. Espero que a lesão não seja grave. Vem evoluindo.

Leo – Não comprometeu, mas foi pouco eficaz nos cruzamentos.

Gregore – Fez um bom jogo, principalmente no primeiro tempo. Pareceu cansado no segundo tempo.

Elton – Fez uma partida abaixo do que vinha jogando. Pareceu cansado. Tomou o 3º Amarelo.

Vinicius – Fez um jogo bem ordinário. Sumido em campo, pouco agregou ao time. Precisa chutar mais em gol. Precisa treinar faltas. Precisa ir para o banco.

Elber – Ajudou muito defensivamente. Deu opções no ataque, pelos lados no primeiro tempo. Na segunda parte, sumiu.

ZR10 – Foi o melhor jogador da partida no primeiro tempo. Na segunda etapa, ficou sozinho demais. Precisa de mais jogadores para auxilia-lo na construção das jogadas.

Edigar Junio – Somente pelo gol perdido, mereceria o título de pior da partida. Mas, além disso, se arrastou em campo. Partida abaixo da crítica. Deveria ser afastado por algumas partidas, para melhor se condicionar física e tecnicamente.

Edson – Entrou e não comprometeu.

Everson – Entrou e não comprometeu.

Régis – Entrou na partida mas pouco produziu. Responsável direto pelo 2 gol do adversário, inventou uma cobrança de falta para Nino, quando todos os zagueiros estavam na área. Para piorar, não acompanhou Gabigol, pedindo impedimento.

EM – Apesar de estar fazendo um belo trabalho, com o time jogando fora de casa tentando ganhar o jogo, com coragem para trocar passes e incomodar o adversário, precisa parar de inventar essas cobranças de falta/escanteio. Tomamos o gol que fechou o caixão por um erro na execução dessas jogadas. Precisa mexer no time, pois percebe-se a fase ruim de alguns jogadores. Esta na hora de dar oportunidades à algumas peças, como Flávio, Régis e Marco Antônio. Além disso, tem que pensar como usar Allione, Claiton, Edson, Brumado e Nilton, para dar descanso à alguns atletas. Estamos fisicamente e mentalmente esgotados.

Outras colunas
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.