é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Coluna

Caio Vasconcelos
Publicada em 20/11/2018 às 09h40

Minha Análise - Bahia 0 x 1 Atlético/MG

Meus Amigos,

 

Num sábado à noite, em péssimo horário para o futebol, o Bahia foi amplamente inferior ao Atletico/MG e deu adeus a remota chande de conseguir a classificação para a Copa Libertadores 2019.

Pior durante todo o confronto, o time tricolor pouco assustou o time mineiro. Cazares e Chará deram trabalho ao tricolor e se não fosse Douglas o estrago seria pior. A diferença foi tão gritante que Victor foi um mero espectador na primeira parte. 0x0

Na volta do intervalo saiu o gol que definiu o confronto. Numa cobrança de falta rápida, Chará foi lançado. Bruno e Gregore foram ao seu encalço e não se atentaram para a chegada de Cazares. Nilton ainda tentou fechar o chute, mas o camisa 10 atleticano dominou e acertou um chutaço. 1x0.

O Bahia poderia ter mudado a história do confronto, quando Fábio Santos foi expulso. Mas a falta de pernas e principalmente a falta de Leo e ZR10 não permitiram ao tricolor a reviravolta no placar. O único lance de destaque foi a boa cabeçada de Edigar, que Victor defendeu. No fim, o resultado se manteve e o Atlético/MG foi um justo vencedor. 1x0.

 

Douglas - Melhor jogador tricolor. Fez pelo menos 3 lindas defesas. Um grande goleiro. 

Bruno - Improdutivo, pouco apoiou. 

Tiago - Lento, perdeu algumas bolas para Ricardo Oliveira. Se quiser recuperar seu status de titular, precisa melhorar bastante.

Jackson - Errou alguns lances bestas, principalmente pelo alto. Mas parece recuperado da lesão. Será útil em 2019.

Paulinho - Discreto, não foi muito ao ataque. Mas foi pouco acionado.

Gregore - Errou no gol adversário. Foi dobrar a marcação mas esqueceu da chegada do seu marcador. No mais fez um jogo consistente.

Nilton - Mais lento que o habitual, errou alguns passes e cortes. Poderia ter fechado o chute de Cazares, mas chegou atrasado.

Flávio - Errou bastante. Não fez nada de útil na armação das jogadas.

Ramires - Sozinho, sentiu o peso da armação das jogadas. Pouco criou.

Elber - Conseguiu a expulsão de Fábio Santos. Mas não foi tão perigoso quanto precisávamos.

Edigar Junio - Recebeu poucas bolas. Ainda conseguiu uma cabeçada perigosa. 

Vinicius - Entrou e pouco produziu.

Allione - A maior decepção do ano. Foi um jogador inútil na partida. Parece que não quer jogar futebol.

Gilberto - Entrou e pouco produziu.

EM - Escalou mal o time. Muito defensivo. Deveria ter entrado com Vinicius ao invés de Flávio. Tentou mexer, mas as peças pouco produziram.

Outras colunas
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.